Livros que Viraram Filmes

Olá Peixotos!!
Depois de muito tempo, hoje tem postagem no Peixinho!
#TodosPeixeComemora! \o/ \o/ \o/

Mas, primeiro, vamos às desculpas esfarrapadas da Gabizinha:

Genti, tá difícil postar. Primeiro porque fazia isso no meu horário de almoço, e agora a repartição bloqueou as imagens do Blogger. Até consigo escrever, mas não consigo inserir as imagens. E postagem sem imagens é totalmente boring. Quando chego em casa, tem tanta coisa pra resolver, que eu deixo essa porra pra lá e não posto nada.
Segundo motivo é que não ando lendo muito. Tem uma pilha de livros sem tamanho aqui pra eu ler, mas cadê vontade?
Ando achando que é tudo mais do mesmo, que não tem nada  interessante saindo. Não ando motivada a começar a ler um livro novo. Estou sempre querendo reler aqueles que já sei que gosto e que são bons.
Aí fica difícil postar...

Mas, vamos à nossa primeira postagem do ano de 2014!
(Prepara pra postagem monstro!)
(crédito da imagem para MacMagazine)
Segunda-feira, dia 06 de janeiro, a Flávia Resende publicou  para o Yahoo uma reportagem com 7 livros que viraram filmes (confiram a reportagem na íntegra aqui). Ela deu destaque aos filmes para os público jovem adulto. E livros Young Adult a gente tá careca de conhecer, ler, amar e odiar, e alguns a Gabizinha até tem na estante. Vamos dar uma olhada na lista que ela preparou:


Série Harry Potter (J.K. Rowling)

Os livrinho estão bem usados e abusados!

Dispensa apresentações!
Nunca fiz nenhuma postagem sobre HP, até porque comecei esse blog muito depois do lançamento do último livro (minha primeira postagem foi em julho de 2011 e o último livro saiu em julho de 2007).
Bem, se você foi abduzido ou acabou de chegar no planeta Terra, nossa amiguinha Wikipedia tem um artigo bacaninha sobre Harry Potter que vale a pena dar uma olhada.

Minha história com Harry foi muito gozada. Quando os livros começaram a estourar, criei uma resistência achando que era coisa de debilóde. Então fui com minha melhor amiga assistir ao primeiro filme e achei o máximo. Logo depois, num Amigo Oculto entre os amigos, coloquei o terceiro livro como presente pretendido (o segundo filme já estava saindo e eu achei que não valia a pena ler os dois primeiros livros, tolinha eu). Adivinha quem me tirou? A própria Rê!
Quando comecei a ler Harry Potter e os Prisioneiros de Azkaban não consegui parar até terminar o livro todo! Fui de 23h até 3h da manhã numa tacada só!
Fiquei completamente eletrizada com a leitura e percebi que amaria Harry Potter pra sempre. Logo que larguei o livro fui direto pro computador para comprar online todos os livros que já tivessem sido lançados. Então comprei o primeiro, o segundo e o quarto. Todos os outros livros da série foram comprados no lançamento, tipo, primeiro dia, porque eu não tinha estrutura para aguardar nem um minuto para ler os livros da coleção.

Se vocês olharem bem, vão perceber como meus livrinhos do HP estão esbagaçados de tanto serem lidos.
Sinceramente, acho que já li toda a coleção mais de oito vezes. Só meu livro preferido, o Harry Potter e o cálice de Fogo, acho que já li umas dez vezes, sem sacanagem.

A coleção Harry Potter consiste de sete livros. São eles:
1º Volume: Harry Potter e a Pedra Filosofal (1997)
2º Volume: Harry Potter e a Câmara Secreta (1998)
3º Volume: Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (1999)
4º Volume: Harry Potter e o Cálice de Fogo (2000)
5º Volume: Harry Potter e a Ordem da Fênix (2003)
6º Volume: Harry Potter e o Enigma do Príncipe (2005)
7º Volume: Harry Potter e as Relíquias da Morte (2007)

Se você é preguiçoso e acha que ver os oito filmes é suficiente para conhecer a estória... Tenho pena de ti.
Os livros são impressionantemente bem escritos, viciantes e sem fios soltos.
Não vale nem a pena eu tentar um resuminho aqui e agora. Todo mundo tem que ler esses livros!
Tenho orgulho de ter estado viva para acompanhar a criação de uma obra tão espetacular, daquelas que viraram clássicos e serão lidas por todas as gerações de seres humanos daqui pra frente.

OBS.: As datas em parênteses correspondem ao lançamento dos títulos no Brasil para todos os livros nessa postagem.


Saga Crepúsculo (Stephenie Meyer)

Foi uma febre total!

Quando disse nessa postagem que tinha ficado fissurada pela Saga Crepúsculo quando li, minha amiga Hypia quase caiu pra trás. Mas é verdade.
Aliás, agradeço principalmente à Crepúsculo pela existência desse blog.

Lá pelos idos de 2010 os cartazes do primeiro filme estavam em todo lugar e eu não tinha a melhor ideia do que eram. Por coincidência, tinha escrito um continho bem singelo sobre um vampiro e uma garota que ele salva, os dois se apaixonam e tals e tals. Bem, é a mesmo estória, apesar de eu não ter lido Crepúsculo antes.
Baixei (que feio!) o filme e assisti. E vi que era a mesma estória que eu tinha escrito!
Então fui procurar o livro. Comprei os dois primeiros e devorei. Depois fui comprando os outros conforme acabava de ler o anterior e também devorei.

A saga Crepúsculo consiste de quatro livros. São eles:
1º Volume: Crepúsculo (2007)
2º Volume: Lua Nova (2008)
3º Volume: Eclipse (2009)
4º Volume: Amanhecer (2009)

Os filmes apresentaram uma Bella mega sem sal, e um Edward muito aquém do que ele merece. Destaque para o Jacob, que dá um grande caldo de lobo! Huahahaha

Mais uma vez, leia os livros.
Os filmes não chegam nem perto.


Trilogia Jogos Vorazes (Suzanne Collins)

O primeiro foi de pirar o cabeção. Os outros, nem tanto.

Comprei a trilogia toda de uma vez numa promoção porque TODO mundo estava falando nisso.
Não dei muita bola a princípio, porque muitas vezes, mesmo quando todo mundo recomenda alguma coisa, esses livros da moda são umas grandes bostas. Então os livros ficaram juntando poeira por muito tempo na minha estante.
Um belo dia resolvi ler. E, amigo... Baralhoooooo!!! Que livro foda!

Jogos Vorazes teve resenha no Peixinho, inclusive.
Depois demorei muito pra ler Em Chamas porque desconfiei que não seria tão bom quanto o primeiro, já que o final é a parte mais fraca da trama.
E realmente. Em chamas e A Esperança não foram o que eu esperava. Até por isso não consegui me motivar a fazer as resenhas.

A trilogia Jogos Vorazes consiste de:
1º Volume: Jogos Vorazes (2010)
2º Volume:  Em Chamas (2011)
3º Volume: A Esperança (2011)

Já o filme é repetáculo!
Jennifer Lawrence é espetacular e fez uma Katniss totalmente excelente!
Não assisti Em Chamas ainda, mas estou trabalhando para mudar isso. Hehehehe


Série Os Instrumentos Mortais (Cassandra Clare)

Dá uma raiva quando as capas não são iguais! Podiam ter tido mais cuidado na arte das lombadas, vai...

É young adult. Por mais que a estória seja diferente, romances sobrenaturais young adult não conseguem fugir de certos clichês. Ou vão falar de vampiros, ou vão falar de anjos.
Os Instrumentos Mortais é sobre anjos e magia e pessoas que sempre se sentiram diferentes dos outros, com problemas de adaptação, que de repente, descobrem que têm poderes sobrenaturais.

O livro é interessante e bem escrito sim.
Pra quem gosta, é um prato cheio e uma ótima oportunidade de virar fã de uma série que, mesmo sendo young adult, é boa.
Só não é muito minha praia, apesar de eu ter comprado quatro livros e lido os três primeiros com até alguma expectativa.

Já o filme... Bem, nem me animei pra ver.
Está sendo xoxado até pelos fãs. Mesmo com o Jamie Campbell Bower como Jace Wayland, parece que o filme não cumpriu o que prometeu.

Tem até postagem sobre o Cidade das Cinzas e sobre o Jace Wayland aqui no Peixinho. As postagens de Cidade dos Ossos e Cidade de Vidro estão no rascunho há mais de dois anos. Sem previsão para verem a luz do dia...

A série Os Instrumentos Mortais consiste de 6 volumes:
1º Volume: Cidade dos Ossos (2010)
2º Volume: Cidade das Cinzas (2011)
3º Volume: Cidade de Vidro (2011)
4º Volume: Cidade dos Anjos Caídos (2012)
5º Volume: Cidade das Almas Perdidas (2013)
6º Volume: Cidade do Fogo Celestial (2014 - ainda vai ser lançado)

Quando comecei a ler o Cidade dos Ossos, havia a previsão da coleção ser somente uma trilogia. Tanto que o Cidade de Vidro tem um desfecho que poderia ser o desfecho para toda a trama. E é por achar oportunismo e falta de criatividade da Cassandra Clare em continuar a série quando poderia ter terminado muito bem em Cidade de Vidro e começado uma nova série depois, que eu ainda não li o Cidade dos Anjos Caídos.


As Vantagens de Ser Invisível (Stephen Chbosky)

Ezra Miller (Patrick), Emma Watson (Sam) e Logan Lerman (Charlie)

Amei esse livro! E amei esse filme!!!
Claaaaro que gostei muito mais do livro, mas o filme com o Logan Lerman como o Charlie - personagem principal do livro - a Emma Watson como Sam e o espetacular Ezra Miller como Patrick.
Conselho de amiga: façam como eu, leiam o livro antes de ver o livro para não ter a imagem dos atores atormentando sua leitura.

Fiz uma postagem apaixonada sobre o livro e o filme aqui no Peixinho.


A Culpa é das Estrelas (John Green)

A culpa é das estrelas se elas ainda não se alinharam para a leitura desse livro...

Dessa vez não vou conseguir escapar das pedradas.
Confesso que esse livro está comprado há mais de ano e ainda não consegui olhar pra ele e dizer: OK, vamos ler você.

Já me disseram que é líndimo, que é fofo, que vou chorar como um bebê.
Mesmo assim...


Série Beautiful Creatures (Kami Garcia e Margaret Stohl)

(crédito da imagem para Somos Criativos)

Olha, gente, sem ameaças de morte, por favor, mas eu nunca nem tinha ouvido falar dessa série antes de ler essa reportagem.
Fui até procurar umas resenhas e achei que era "mais do mesmo". Mais uma série para adolescentes com um tema super batido e não necessariamente bem explorado. A diferença é que desta vez, o personagem principal (possivelmente o narrador porque possivelmente o livro é em primeira pessoa...) é um menino.
E já jogando um veneninho, sério que precisa de dois caboclos para escrever um livrinho young adult? Já não basta House of Night como exemplo de como não se deve escrever?

Até gostaria de receber umas opiniões honestas sobre esses livros pra ver se vale à pena investir meu rico dinheirinho em mais uma série sobrenatural.

A série Beautiful Creatures consiste de 4 volumes:
1º Volume: Dezesseis Luas (Beautiful Creatures) (2010)
2º Volume: Dezessete Luas (Beautiful Darkness) (2011)
3º Volume: Dezoito Luas (Beautiful Chaos) (2013)
4º Volume: Dezenove Luas (Beautiful Redemption) (2013)

Agora, por que cargas d'água o intiligenti da editora resolveu inventar um outro nome para a série?
Por que não "Belas Criaturas", "Bela Escuridão", "Belo Caos" e "Bela Redenção"?
Tem explicação uma coisa dessas?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...